#Blog

navegue pelos jobs, tags ou busque aqui o que procura ;)

Modelo de Briefing: o que não pode faltar
Por Agência Cadaris
11/07/2017

Modelo de briefing bom precisa considerar alguns pontos importantes. Mas antes de tudo, lembremos de que nem todo mundo sabe o que é um briefing.

O que é um briefing?

Pra quem não sabe, lá vai uma explicação vapt-vupt: É o conjunto de informações do que o cliente quer que a gente faça. Pois bem, conceito dito e muito bem entendido, o próximo passo é ressaltar que não há uma “lei” ou uma “bíblia” do briefing, embora muita gente conheça e/ou pratique/recomende modelos que são super eficientes. Porém há coisas que não podem faltar num modelo de briefing bom. Olha só o que nosso pessoal da Agência Cadaris falou.

O que não pode faltar num modelo de briefing

Perguntamos para nossos criativos o que não pode faltar num briefing para que ele seja bom de verdade e traga sossego (brincadeira) e sucesso para todos.

 

#1: Público-Alvo bem definido

Parece bobeira, mas um ponto relevantíssimo apontado foi o público-alvo. Sim, tem cliente que é confuso quanto à definição do seu público. Também pode acontecer erro de interpretação, do nosso pessoal mesmo, em diversas etapas do processo. Ou seja, anote aí. Briefing de sucesso é tem que ter público-alvo muito bem definido e entendido por todos. Que tal começar o seu briefing ou reunião sempre por ele?

 

#2: Objetividade nas informações

Outra coisa que não pode faltar é objetividade. Sim, por mais que a gente se mate pra fazer briefing bom, pode rolar de ter material confuso, com repetição de informação e até mesmo informações contraditórias. Se você se deparar com um briefing assim, ligue na mesma hora para a Nasa e denuncie! Brincadeira, só faça outro briefing mesmo, ou alinhe com quem fez antes mesmo de começar a pensar no job (trabalho a ser feito).

 

#3: Conhecer (muito bem) seu cliente

E agora um ponto muito importante que não pode faltar em briefing bom. Na verdade, é algo fora dele, que rola antes mesmo de pegar ou fazer o briefing: conhecer o cliente. Quanto melhor for o relacionamento com ele (antigo ou novo), mais fácil será de instruí-lo sobre a importância de ‘responder’ o questionário de seu modelo de briefing. E quando isso é bem feito, a chance de o job ser bem-sucedido é bem maior.

 

#4: Paz, amor e harmonia

Pra fechar, o modelo de briefing bom precisa ter paz. Não pode ficar mudando todo o tempo. O sentido do briefing é o de ser um roteiro certeiro do que precisa ser feito. Quando trabalhamos com um briefing mutante, digamos assim, o resultado geralmente é, no mínimo, frustrante.

Veja também:

veja mais

Contato Rápido!

Fechar